domingo, 25 de novembro de 2012

Enfim Shakespeare escreve um diário

Postado por Enfim Shakespeare às 12:30 PM


Hoje acordei sem inspiração, então percebi que meu mundo rodou sob meus pés descalços que tocavam o chão frio do inverno.
A inspiração vem dos momentos bons ou dos momento ruins, mas não acredito que venha do frio da solidão. Me magoaram muito e estou tentando superar, mas mesmo assim minhas noites são péssimas, tenho pesadelos e quando eu acordo tenho medo de viver.
Quem um dia disse que as pessoas são irrelevantes em nossas vidas está enganado, as pessoas são capaz de nos fazer sorrir e nos fazer sofrer e a segunda opção é terrível.
Hoje acordei sem inspiração, pois sabia que quando eu começasse a escrever minhas palavras só retratariam a dor e isso é tudo o que eu sinto agora, então tentei não escrever e guardar tudo só para mim, mas algumas dores devemos compartilhar, as vezes com amigos, outras com desconhecidos.
Na verdade decidi não me importar tanto com a dor e descobri que nem tão sozinha estou, ela me fez companhia quando acordei, sim a dor veio me abraçar como uma velha amiga que a muito tempo estava adormecida ao meu lado.

Enfim Shakespeare


11 comentários:

Carmen | Blog Uze e Abuze on 25 de novembro de 2012 14:54 disse...

nossa... me identifiquei do início ao fim...

Blog Uze & Abuze | Facebook | YouTube | Twitter | SORTEIO PALETA | SORTEIO PERFUME

Naylane Sartor. on 25 de novembro de 2012 14:58 disse...

Muito legal parabens estou seguindo o seu blog se puder seguir o meu devolta agradecerei e tem um meme la no blog para vc ele entra no ar segunda ou treça feira espero q goste bjs,
www.resenhasteen.blogspot.com

Angela Graziela on 25 de novembro de 2012 17:03 disse...

Amei o post
MUito bacana a citação
Meus parabéns

Beijos
@pocketlibro
http://www.pocketlibro.blogspot.com.br

Café com Mistura on 25 de novembro de 2012 20:02 disse...

OLá ;)

Muito lindo seu post.
Diria mais, gracioso ;)

Seguindo seu blog,
Segue de volta?

http://cafecomistura.blogspot.com.br/

Mariana Guimarães on 25 de novembro de 2012 21:27 disse...

Amei o post <3
e flor lembre que tudo passa.

beijos da Mari
www.amostradelivros.blogspot.com.br

Marina on 25 de novembro de 2012 22:21 disse...

Lindo texto ^^

Flavia on 26 de novembro de 2012 04:05 disse...

Adorei esse texto! *-*

Bjokas
Flavia - Livros e Chocolate

Brubs. on 26 de novembro de 2012 10:17 disse...

Ótimo texto ^^
Beijos
brubs

Girl Supimpa on 26 de novembro de 2012 11:34 disse...

Oii ^^

Belas palavras cara colega =)

Aguardo sua visitinha. Estou seguindo.

Beijos =*

http://www.girlsupimpa.com/

Pâm Possani on 26 de novembro de 2012 14:24 disse...

Que lindas suas palavras, e arrisco dizer que eu já senti elas muitas e muitas vezes, sabia? Acho que todo mundo já sentiu, né? :')
aaah , a autora é surpreendente, meeeesmo!
Um beeeijo, fofa
Pâm
http://interruptedreamer.blogspot.com.br/

Ela Oliveira on 26 de novembro de 2012 14:37 disse...

Oii,
Parabéns pelo belissimo texto!

Páginas Em Preto

Beijos

Postar um comentário

Obrigada pela visita.

Sempre retribuo os comentários *-*

 

Eu li e Comentei Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos